Buscar

Senado aprova projeto que elimina PIS-Cofins sobre diesel até o fim de 2018; Temer deve vetar, diz l

Senadores reunidos em plenário durante a sessão desta terça-feira (29) (Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado) Proposta foi incluída em projeto que reonera folha de pagamento de 28 setores. Romero Jucá já disse que presidente deve vetar trecho sobre PIS-Cofins. O Senado aprovou nesta terça-feira (29) o projeto que elimina a cobrança de PIS-Cofins sobre o óleo diesel até o fim deste ano. A proposta foi incluída num texto que já tramitava no Congresso Nacional e prevê a reoneração da folha de pagamento de 28 setores da economia. Como já foi aprovado pela Câmara, o texto seguirá para análise do presidente Michel Temer, que poderá sancionar, sancionar parcialmente ou vetar (entenda o projeto da

NOVA ARALCO CONSEGUE LIMINAR PARA VENDER ETANOL DIRETO AOS POSTOS E SETOR PRESSIONA ANP

As quatro unidades da Nova Aralco, na região de Araçatuba (SP) obtiveram liminar para venda direta de etanol hidratado aos postos. A empresa entrou com uma ação conta a Agência Nacional de Petróleo (ANP) e a 1ª Vara Cível Federal de São Paulo acatou o pedido. Procurada, a diretoria do grupo não se manifestou se vai começar a fazer a venda imediatamente. A ação da empresa e o acatamento do pedido na primeira instância põe pressão sobre o governo e a ANP, que só liberam a venda ao varejo desde que as empresas montem redes de distribuição, no momento no qual se intensifica o movimento do setor produtivo de biocombustíveis no País para que mudem as regras estabelecidas. Renato Cunha, presidente

Fórum Sucroenergético: 220 das 340 usinas do Centro-Sul estão paradas

O Fórum Nacional Sucroenergético informou nesta segunda-feira, 28, que ao menos 220 das 340 usinas produtoras de açúcar e etanol do Centro-Sul do País estão com a produção parada por conta da greve dos caminhoneiros. A suspensão nas operações ocorre pela falta de diesel utilizado na colheita, plantio e irrigação da cana-de-açúcar, e de outros insumos, principalmente produtos químicos como cal, ácido sulfúrico, para o processo industrial. "Caso o problema persista, até a próxima quinta-feira (31) todas as unidades produtoras desta região estarão com suas atividades interrompidas", informou a entidade em comunicado. O Centro-Sul é responsável por 94% da produção de etanol no País e as usinas

Fábricas de farelo e biodiesel estão paradas e com estoques cheios, diz Abiove

O setor agropecuário acumula enormes prejuízos decorrentes da greve dos caminhoneiros autônomos, enfatizaram nesta segunda-feira, 28, entidades representantes de diversos segmentos, em coletiva de imprensa realizada em São Paulo (SP). O presidente executivo da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), André Nassar, disse que todas as fábricas de farelo e biodiesel de empresas associadas à Abiove estão paradas, sem esmagar soja, e com estoques cheios de farelo, em virtude da falta de caminhões para levar o produto a seu destino e pela falta de espaço para receber mais matéria-prima. "Os impactos vão começar a aparecer no mês de junho, porque em maio os silos e armazén

Depois da solução emergencial, governo vai discutir ajuste permanente na política de preços da Petro

Depois de decidir bancar a redução do preço do diesel com subsídio do Tesouro, o governo Michel Temer vai discutir um ajuste permanente na política de preços da Petrobras que não gere prejuízos para a estatal e, ao mesmo tempo, amorteça altas exageradas do barril do petróleo no mercado internacional. A ideia já é discutida no mercado e tem um modelo em vigor, mas que nunca funcionou para esse objetivo. A ideia é aprovar o ajuste para funcionar a partir do próximo ano. Neste ano, o remédio adotado foi bancar, emergencialmente, a redução do preço do diesel com dinheiro público, num total de até R$ 9,5 bilhões. Em 2019, seria criada uma conta bancada com recursos gerados pelo próprio setor, a p

Petrobras reduz preço da gasolina nas refinarias pelo 4º dia seguido

Bomba de gasolina em posto da zona sul de São Paulo (Foto: Marcelo Brandt/G1) A Preço do diesel segue congelado. Governo anunciou na véspera que irá subsidiar o preço do diesel e que os reajustes nos preços passarão a ter periodicidade mínima de 30 dias. Petrobras anunciou nesta um novo reajuste no preço da gasolina nas refinarias, a 4ª redução em 4 dias. O preço do litro da gasolina cairá 0,32% a partir deste sábado (26), passando de R$ 2,0160 para R$ 2,0096. Já o preço do diesel segue congelado em R$ 2,1016, conforme anunciado anteriormente. Evolução dos preços cobrados pela Petrobras nas refinarias (Foto: Reprodução/Petrobras) Em maio, já foram anunciadas 12 altas e cinco quedas no preço

ANP anuncia medidas para garantir abastecimento de combustíveis e coibir preço abusivo

Posto de combustíveis na Avenida Cardeal da Silva, bairro da Federação, em Salvador (Foto: Itana Alencar/G1) Entre as ações estão a suspensão da exigência de mistura de etanol na gasolina e liberação de um posto de uma bandeira a vender combustível de outra. Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) anunciou uma série de medidas para garantir a continuidade do abastecimento de combustíveis nos postos e também para coibir a prática de preços abusivos. Entre as medidas anunciadas estão: - Liberação de distribuidores vinculados a uma marca para vender combustível de outra; - Suspender a necessidade de manutenção de estoques mínimos de combustível; - Flexibilizar a obri

Dia sem imposto tem gasolina por R$ 2,28 e BMW com desconto de R$ 51 mil

Postos de combustível em diferentes cidades vão vender gasolina com quase 50% de desconto nesta quinta-feira (24), como parte das iniciativas do Dia da Liberdade de Impostos. Entre as promoções, há outros produtos, como uma BMW em Joinville (SC) com desconto de R$ 51,3 mil, a R$ 118.619,00. O Dia da Liberdade de Impostos é um protesto realizado anualmente pela CDL Jovem (Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem). Por um dia, os estabelecimentos comerciais participantes deixam de repassar o valor dos impostos no preço de seus produtos e serviços. Em Brasília, por exemplo, onde o litro da gasolina chega aos R$ 4,60, será possível abastecer o carro ou a moto por R$ 2,98 (-35%) em três postos da red

Combustíveis eram adulterados até três vezes antes de chegar em postos no Piauí

Caminhoneiro preenche volume de combustível subtraído do caminhão com água. (Foto: Polícia Rodoviária Federal/ Divulgação) Dezenove pessoas foram presas, entre caminhoneiros, gerentes e proprietários de distribuidoras. PRF apreendeu 35 mil litros de combustível adulterado. A Operação Estanque desarticulou uma organização criminosa que atuava há pelo menos oito meses com a adulteração de combustível e era responsável por abastecer postos de Teresina e cidades do interior do Piauí. Ao todo foram apreendidos 35 mil litros de combustível, entre álcool, gasolina e diesel, tanto em caminhões como armazenados em casas. Dezenove pessoas foram presas, entre motoristas de caminhão, gerentes de empresa

Petrobras reduz preço da gasolina pelo 3º dia consecutivo

Petrobras: estatal reduzirá o preço da gasolina em 0,72 por cento nas refinarias a partir de sexta-feira (Paulo Whitaker/Reuters) Redução ocorre em meio aos protestos de caminhoneiros contra a alta do diesel, cujo valor foi reduzido em 10% na véspera. A Petrobras reduzirá o preço da gasolina em 0,72 por cento nas refinarias a partir de sexta-feira, para 2,0160 reais por litro, no terceiro corte consecutivo, de acordo com comunicado no site da petroleira. A redução ocorre em meio aos protestos de caminhoneiros contra a alta do diesel, cujo valor foi reduzido em 10 por cento na véspera e seguirá em 2,1016 reais por litro por um período de 15 dias. Fonte: Exame (Reuters) #Petrobras #Gasolina #D

Petrobrás anuncia nova redução do preço dos combustíveis para esta quinta

Reajuste faz parte da nova política de preços da estatal; trata-se da segunda queda depois de cinco altas seguidas. Em meio à turbulência da greve dos caminhoneiros pelo País, a Petrobrás anunciou mais uma redução no preço dos combustíveis. É a segunda redução após cinco altas seguidas. Com o reajuste que entrará em vigor nesta quinta-feira, 24, o preço médio do litro da gasolina A sem tributo nas refinarias será de R$ 2,0306, com queda de 0,62% em relação à média atual de R$ 2,0433. Já o valor médio nacional do litro do diesel A recuou 1,15%, para R$ 2,3083, ante a medida atual de R$ 2,3351. Durante a madrugada desta quarta-feira, 23, a rodovia Régis Bittencourt (BR 116) permaneceu com trec

Protesto de caminhoneiros em rodovias do Rio chega ao terceiro dia

Os caminhoneiros mantêm, pelo terceiro dia consecutivo, as manifestações nas principais rodovias federais do Rio de Janeiro, contra o preço alto do combustível. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, há pelo menos oito pontos de protesto em quatro rodovias que cortam o estado. Segundo a PRF, os manifestantes estão apenas nos acostamentos das estradas e, portanto, não bloqueiam as pistas. Na BR-101, há dois pontos de protesto: um em Campos, no km 75, e outro em Itaboraí, no km 296. Na BR-116, são três pontos: em Seropédica (km 204) e Barra Mansa (km 276), ambos na Via Dutra, e em Guapimirim (km 104), na Rio-Teresópolis. Outros pontos de manifestação são: BR-393 (em Paraíba do Sul, no km

Cide será zerada para reduzir preço dos combustíveis, diz Maia

Acerto inclui ainda compromisso de que recursos obtidos com a reoneração da folha de pagamento serão usados para reduzir impacto do preço do diesel Brasília – O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), anunciou na tarde desta terça-feira, 22, pelo Twitter, que o governo vai zerar a Cide sobre a gasolina e o diesel para ajudar a reduzir o preço dos combustíveis no País. Ele também anunciou acordo para destinar 100% dos recursos do projeto da reoneração da folha de pagamento para reduzir o impacto do aumento do diesel. Maia afirmou que as duas medidas foram acertadas por ele e pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), com o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia. “

Após 5 altas, Petrobras anuncia redução do preço do diesel e da gasolina

Com a política de preços para os combustíveis da Petrobras adota desde o ano passado, que altera quase diariamente o preço médio nas refinarias, os preços da gasolina e do diesel subiram nesta terça-feira, 22, mas terão queda já na quarta-feira, 23. A próxima redução será a primeira após cinco dias de altas consecutivas. Com o reajuste que entrará em vigor nesta terça, o preço médio do litro da gasolina sem tributo nas refinarias será de R$ 2,0867, com alta de 0,90% em relação à média atual de R$ 2,0680. O valor médio nacional do litro do diesel subiu para R$ 2,3716, 0,97% maior do que a medida atual de R$ 2,3488. Já com a queda na quarta-feira, 23, o preço médio do litro da gasolina sem tri

Etanol: Em maio, volume de hidratado negociado mais que dobra

O volume de etanol hidratado comercializado na semana passada no estado de São Paulo foi bastante expressivo. Esse cenário tem sido verificado em São Paulo e em outros estados e é influenciado pela vantagem do biocombustível nas bombas frente à gasolina. Em maio, de acordo com levantamentos do Cepea, a quantidade negociada mais que dobrou frente ao mesmo período de 2017. No início da semana passada, com receio de novos aumentos nos preços, distribuidoras adquiriram volumes expressivos. Já no final do período, o ritmo de negócios foi menor. Do lado vendedor, usinas iniciaram a semana com ofertas mais altas e conseguiram vender o etanol a preços maiores que os registrados no período anterior.

Autorização para construção e operação de instalações em discussão na ANP

Agentes do mercado de abastecimento de combustíveis se reuniram na ANP (16/05) para discutir a revisão da resolução 42/2011, durante o Workshop Revisão da Autorização de Construção e Operação de Instalações. O encontro faz parte dos esforços da Agência para a simplificação das regras, eliminação dos custos regulatórios e redução de barreiras ao investimento. A resolução 42/2011 trata dos requisitos necessários à concessão de autorizações de construção e de operação de instalação para todos os agentes do abastecimento nacional: combustíveis líquidos automotivos, de aviação, solventes, óleos lubrificantes básicos e acabados, gás liquefeito de petróleo (GLP), óleo combustível, querosene ilumina

Atingido por política da Petrobras, setor de postos protesta e quer mudanças no ICMS

Afetado pela política de reajustes de preços da Petrobras para o diesel e gasolina, que acompanha a alta das cotações do petróleo, o setor de revendas de combustíveis do Brasil afirmou nesta quarta-feira que está “perdendo fôlego financeiro” e pediu ao governo mudanças tributárias para amenizar o prejuízo. Em nota, a Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes (Fecombustíveis) demonstrou “insatisfação em relação à política de preços da Petrobras”, que prevê reajustes quase que diários desde julho do ano passado. Isso em um momento em que os valores do petróleo estão perto de máximas de mais de três anos, com o Brent próximo de 80 dólares o barril, acumulando alta de cer

Petrobras elevará preços do diesel e da gasolina

A Petrobras elevará os preços do diesel em 1,76 por cento e os da gasolina em 1,83 por cento nas refinarias a partir de quinta-feira, informou a empresa nesta quarta-feira em comunicado em seu site. Com os reajustes, o valor do diesel subirá para 2,3082 reais por litro e o da gasolina passará para 2,0046 real, para novas máximas dentro da era de reajustes diários, iniciada em julho do ano passado. Fonte: Reuters (Isabel Marchenta) #Diesel #Gasolina #Petrobras

Bunge fará IPO de subsidiária sucroalcooleira

Depois de anos em uma busca infrutífera por um comprador para seus negócios sucroalcooleiros no Brasil, a americana Bunge decidiu concentrá-los em uma nova empresa que deverá ter ações negociadas na B3. A múlti protocolou na manhã de ontem, na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), um pedido de registro de companhia aberta para a Bunge Açúcar & Bionergia, cujo valor de mercado total é estimado por analistas em cerca de R$ 6 bilhões. Segundo informações divulgadas pela multinacional, a empresa recém-criada reúne suas oito usinas instaladas no país, que têm, juntas, capacidade de moagem de 22 milhões de toneladas de cana por safra. Espalhadas pelos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Gros

Petróleo a US$ 100 não afetaria economia mundial como em 2011

O impacto sobre a economia global se o barril de petróleo chegar a US$ 100 não será tão grande quanto o de 2011 graças a mudanças nos EUA. Uma análise da Bloomberg Economics estimou que, se o petróleo chegar aos três dígitos, reduziria o produto interno bruto dos EUA em 0,4 por cento em 2020, contra um preço de referência de US$ 75 por barril. O impacto, no entanto, seria menor do que no passado porque os níveis gerais de preços subiram, a quantidade de energia necessária para produzir uma unidade de produção econômica caiu e os EUA passaram a importar menos petróleo graças à sua indústria de xisto. Isso amortece o efeito dos choques de preço do petróleo na maior economia do mundo e, ao mesm