Buscar
  • Ecoflex Trading

Usinas do Paraná estão direcionando quase toda a cana para a produção de açúcar

Objetivo é atender as fixações de preço já negociadas


Sete usinas paranaenses iniciam suas operações de 2021 em março e as outras 13 devem recomeçar a moagem da cana a partir de abril. Todas devem ficar mais açucareiras nesta safra, seguindo uma tendência já vista em 2019/20, e devem trabalhar para, basicamente, atender os contratos externos já acertados.


A Associação de Produtores de Bioenergia do Paraná (Alcopar) acredita que até 80% da produção total prevista já está com preços fixados. Em 2021/22, o estado deve fabricar 2,5 milhões de toneladas de açúcar, estima o presidente da entidade, Miguel Tranin.


De acordo com ele, 1,6 milhão de toneladas da commodity já foram vendidas internacionalmente, com apoio de preços que chegaram a picos de 17 centavos de dólar por libra-peso em Nova York. Além disso, o câmbio também foi favorável às negociações.


De forma alinhada ao ciclo passado, Tranin diz que aproximadamente 3,5 milhões de toneladas de cana-de-açúcar serão processadas no Paraná. Ele também estima que sejam produzidos 1,3 milhão de litros de etanol, com uma parcela significativa deste volume sendo fabricada já no início da safra.



Giovanni Lorenzon

Fonte: Money Times

0 visualização0 comentário