Buscar
  • Ecoflex Trading

Petróleo fecha em alta após decisão da Opep+ de prolongar cortes de produção


Os contratos futuros do petróleo fecharam em forte alta nesta quinta-feira (04), depois que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados (Opep+) decidiram estender o acordo de corte de produção até abril.


O contrato do petróleo Brent para maio fechou em alta de 4,16%, a US$ 66,74 por barril, na ICE, em Londres, enquanto o do WTI para abril avançou 4,16%, a US$ 63,83 por barril, na Bolsa de Mercadorias de Nova York.


Além da extensão dos cortes de produção acordada na reunião de hoje do grupo, a Arábia Saudita também concordou em manter o seu corte unilateral de produção de 1 milhão de barris por dia até o fim de abril, mas a Rússia e o Cazaquistão receberam autorização para elevar um pouco a produção, com a Opep+ citando necessidade sazonais dos dois países.


"A decisão saudita de estender seu corte voluntário de 1 milhão de barris por dia foi chocante, pois os deixa vulneráveis a perder participação de mercado no próximo mês, quando o mercado de petróleo está com déficit de alguns milhões de barris. Este resultado não era esperado e praticamente garante um mercado apertado durante o verão do hemisfério norte. A festa de alta do petróleo não terminará tão cedo, e todos precisarão atualizar suas previsões para o fim do ano”, comentou, em nota a clientes, o analista da Oanda em Nova York, Edward Moya.



André Mizutani e Rafael Vazquez

Fonte: Valor Econômico

1 visualização0 comentário