Buscar
  • Ecoflex Trading

Ministro Bento Albuquerque, do MME, abre oficialmente hoje, às 14h, Maior Congresso do Setor



O Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque abre oficialmente nesta segunda-feira (2 de agosto), às 14 horas, o 14º Congresso Nacional da Bioenergia, considerado o Maior Congresso Técnico do Setor da Bioenergia do Mundo. O Congresso UDOP, como também é conhecido, ocorrerá até o próximo dia 20 de agosto com duas lives (painéis) diários exibidos através do canal do Youtube da entidade.


O pronunciamento do Ministro Bento Albuquerque se baseará no tema central do painel de abertura: "Combustível do futuro - Qual a melhor rota para o Brasil?". O presidente da UDOP, Amaury Pekelman, fará a moderação do painel.


Além do Ministro e do presidente da UDOP também participam deste painel: André Rocha, Presidente do Fórum Nacional Sucroenergético; Arnaldo Jardim, Deputado Federal - Presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Setor Sucroenergético; Flávio Castellari, Diretor Executivo -- APLA; Itamar Borges, Secretário de Agricultura do Estado de São Paulo; Margarete Maria Gandini, Coordenadora Geral de Implementação e Fiscalização de Regimes Automotivos do Ministério da Economia; Mário Campos, Presidente do Siamig e da Câmara Setorial do Açúcar e do Álcool do MAPA; e o diretor do Departamento de Biocombustíveis do MME, Pietro Adamo Mendes.


O evento


A exemplo de 2020, o Congresso UDOP este ano será 100% virtual, interativo (todos os painéis serão ao vivo) e o melhor: GRATUITO! Serão dois painéis por dia, de segunda a sexta-feira, até o dia 20 de agosto. Os painéis ocorrerão sempre das 10h às 12h e das 14h às 16h.


Serão ao todo 56 palestras, 25 debates, 33 estudos de casos e dois bate-papos. Mais de 60 horas de conteúdo rico divididos em 29 painéis de 12 salas temáticas nas áreas: Painel de Abertura; Comunicação Estratégica; Gestão de Negócios; Gestão em Segurança e Saúde no Trabalho; Inteligência de Mercado; Liderança e Gestão de Pessoas; Mecanização/Automotiva; Meio Ambiente e Sustentabilidade; Produção e Manutenção Industrial; Sistemas de Manejo e Produção Agronômica; Suprimentos; e Tecnologia da Informação.


Fonte: Agência UDOP de Notícias

Por: Rogério Mian

0 visualização0 comentário