Buscar
  • Ecoflex Trading

Entrega de açúcar branco ante contrato março soma cerca de 500 mil t, dizem operadores


A entrega de açúcar branco ante o contrato março negociado na ICE, que expirou na última sexta-feira, totalizou em torno de 500 mil toneladas, segundo operadores, que citaram a trading asiática Wilmar como a maior recebedora do adoçante, com cerca de 400 mil toneladas.


A cifra representa um grande volume para as entregas de açúcar branco, e ocorre depois de os contratos futuros da commodity atingirem máximas de quase quatro anos nesta semana, em meio a ofertas apertadas no curto prazo e à escassez de contêineres no mercado para transporte do produto.


As expectativas do mercado para a entrega giravam em torno de 450 mil toneladas.

A trading francesa Sucden foi mencionada tanto como fornecedora quanto como recebedora do produto, mas será a principal origem, com cerca de 150 mil toneladas.


Entre outras grandes fornecedoras estão a Louis Dreyfus, com mais de 80 mil toneladas; a Alvean, com cerca de 90 mil toneladas; e a Cevital, com em torno de 130 mil toneladas.

A trading chinesa Cofco, a brasileira Raízen, a francesa Tereos e a indiana Tata foram citadas como fornecedoras menores.


Os operadores mencionaram Índia e Guatemala como as principais origens do açúcar branco, com o Brasil sendo responsável por uma quantidade menor, de cerca de 40 mil toneladas.


O contrato março do açúcar bruto expirou na última sexta-feira com alta de 0,11%, a 469,60 dólares por tonelada, depois de ter atingido uma máxima contratual de 483,50 dólares por tonelada na quarta-feira.



Marcelo Teixeira

Fonte: Reuters

0 visualização0 comentário