top of page

Energia solar registra crescimento de mais de 50% na capacidade instalada no Brasil em 2022


Fonte ultrapassou marca de 21 GW e acumula R$ 108 bilhões em investimentos no País, somando os mercados de geração distribuída e geração centralizada


A capacidade instalada da fonte solar fotovoltaica apresentou crescimento de 52,2% entre janeiro e outubro de 2022, saltando de 13,8 GW para 21,1 GW, mostra levantamento da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Abolar). A potência leva em conta usinas de grande porte (geração centralizada) e os sistemas residenciais e comerciais (geração distribuída).

De acordo com a entidade, a fonte solar já trouxe ao Brasil cerca de R$ 108,6 bilhões em investimentos, mais de R$ 28,7 bilhões em arrecadação aos cofres públicos e gerou mais de 630 mil empregos acumulados desde 2012. Com isso, também evitou a emissão de 29,9 milhões de toneladas de CO2 na geração de eletricidade.

O Brasil possui mais de 6,7 GW de potência instalada em usinas solares de grande porte. Desde 2012, a geração centralizada já trouxe ao Brasil cerca de R$ 29,9 bilhões em novos investimentos e mais de 201 mil empregos acumulados, além de proporcionar uma arrecadação aos cofres públicos que supera R$ 10,4 bilhões.

No segmento de geração distribuída, são 14,4 GW de potência instalada da fonte solar. Isso equivale a cerca de R$ 78,8 bilhões em investimentos, R$ 18,3 bilhões em arrecadação e mais de 431 mil empregos acumulados desde 2012.

Fonte:https://www.portalsolar.com.br/

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page