top of page

Brasil passa a contar com 22 usinas de etanol de cereais

O Brasil alcançou a marca de 22 usinas produtoras de etanol de cereais, conforme levantamento da União Nacional de Etanol de Milho (Unem) divulgado nesta quarta-feira, 3. O número foi atingido com o início das operações de uma unidade da Neomille, em Maracaju (MS), controlada pela Cerradinho Bioenergia.

Atualmente, o etanol de milho e cereais já representa mais de 20% da produção nacional do biocombustível. Do total de usinas, dez são dedicadas exclusivamente à fabricação de etanol.

“Nos últimos anos, o Brasil se posicionou fortemente em defesa dos biocombustíveis renováveis em substituição às matrizes fósseis. Com isso, o país atrai investidores que buscam novos modelos econômicos com foco na conservação da biodiversidade e no desenvolvimento das pessoas, garantindo a geração de riquezas para todos", afirmou em nota o presidente-executivo da Unem, Guilherme Nolasco.

A nova unidade da Neomille recebeu R$ 1,08 bilhão em investimentos da Cerradinho Bio, durante 18 meses de construção. Agora a usina possui capacidade para ofertar ao mercado 266 milhões de litros de etanol, 161 mil toneladas de DDGs, 10 mil toneladas de óleos e 51 gigawatt-hora (GWh) de energia.

Com a conclusão do projeto, a expectativa é criar cerca de 200 empregos diretos e 600 indiretos.


9 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page