Buscar
  • Fonte: Canal Rural

Etanol de milho: produção no Brasil deve crescer 61,1% na safra 2020/2021


Projeto Mais Milho reúne time de especialistas para debater os impactos da pandemia do novo coronavírus no setor; acompanhe pelo site, Facebook, YouTube e Instagram.

Na safra 2020/2021, o Brasil deverá produzir 2,7 bilhões de litros de etanol à base de milho, conforme levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgado no início de maio. O número representa uma alta de 61,1% em relação ao volume produzido no ano anterior, de 1,7 bilhão de litros.

De acordo com a consultoria Datagro, a produção de etanol de milho cresceu mais de 20 vezes nos últimos cinco anos e deve totalizar 2,5 bilhões de litros na temporada 2020/2021. Ainda segundo a Conab, “há um avanço considerável na construção de novos empreendimentos, bem como no estudo para aumento de suas capacidades atuais. A ampliação desse cenário deve se estender para outros estados nas próximas safras”.

Atualmente, o Centro-Oeste é responsável por 95% da oferta nacional. Além de Mato Grosso e Goiás, os estados de São Paulo, Paraná e Rondônia também se destacam na produção de etanol de milho, ainda segundo relatório da Conab.

Apesar da crise do novo coronavírus, as plantas de etanol de milho continuam produzindo dentro da normalidade, conforme explica o presidente da União Nacional do Etanol de Milho (Unem), Guilherme Nolasco. Ainda assim, há uma preocupação do setor com a queda na demanda, ocasionada pelo isolamento social para conter a pandemia do novo coronavírus, a retração da atividade econômica e também com a volatilidade nos preços do petróleo e seus derivados.

Diante desses desafios, o Projeto Mais Milho reúne nesta quinta-feira, 21, um time de especialistas para debater os impactos da Covid-19 no setor. O vice-presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Milho (Abramilho) e moderador da transmissão, Glauber Silveira, reforça que também é importante discutir os benefícios que o etanol de milho podem trazer aos produtores rurais e aos consumidores das cidades.

Participam da live o ex-ministro da Agricultura, Blairo Maggi; o presidente da Datagro, Plinio Nastari; e o presidente da União Nacional do Etanol de Milho (Unem), Guilherme Nolasco. Você pode acompanhar o encontro virtual no site, Facebook, Instagram e YouTube do Canal Rural, a partir das 20 horas (horário de Brasília).


0 visualização