Buscar
  • Ecoflex Trading

A SAFRA 2019/20 ESTÁ SENDO MELHOR QUE AS EXPECTATIVAS INICIAIS NO AGRONEGÓCIO DA CANA


Se este clima mais seco observado neste ano no CSUL vai prejudicar a próxima safra de cana ainda não se sabe. A safra atual de cana de açúcar no Centro-Sul está sendo melhor que as expectativas iniciais.

Clima favorável

A performance de moagem no Centro-Sul no período Abril-Novembro de 2019 foi boa. O clima mais seco, com chuvas acumuladas no período abaixo da média de longo prazo, permitiu um esmagamento da cana em ritmo mais acelerado e um rendimento industrial melhor. A antecipação do final da moagem é reflexo desta condição e permite reduzir os custos operacionais da safra.

Se este clima mais seco observado neste ano no CSUL vai prejudicar a próxima safra de cana ainda não se sabe. Basicamente vai-se depender das chuvas do período Dez19-Mar20 , que são decisivas para o tamanho da nova safra 2020/2021.

No tocante à quantidade de cana moída, o CSUL deve processar nesta safra 2019/20 algo em torno de 579 mi de toneladas de cana, ligeiramente melhor que nossa expectativa inicial de 568 mi tc.

Preços favoráveis

Inicialmente vamos lembrar da taxa de câmbio. No inicio da safra (Abril/19) o relatório Focus previa para o final deste ano uma taxa de câmbio de 3,70 R$/US$. No final da semana passada o relatório Focus já previa 4,10 R$/US$ .

O câmbio mais alto beneficia a receita do setor de duas maneiras: melhora o preço em Reais das exportações de açúcar e torna mais cara em Reais a importação de etanol americano . Neste caso, protege o mercado interno de etanol das importações quando ocorrem aumentos de preços domésticos. As usinas com dívidas em US$ ficam prejudicadas com a elevação da taxa de câmbio, na medida em que aumenta a despesa financeira.

Os preços médios do açúcar e etanol no mercado interno de São Paulo estão cerca de 9% acima daquele do ano passado. O açúcar de exportação acompanha a melhora do mercado interno e está com preços 9,3% acima dos preços da safra passada.

Para o Norte-Nordeste verifica-se que os preços do etanol estão 6,5% acima daqueles da safra passada e os preços do açúcar estão 16% e 10% acima. Neste último caso estamos nos referindo ao mercado interno e exportação, respectivamente.

Em resumo, a situação econômica e financeira do setor começa a melhorar , particularmente para as usinas de menor custo de produção e melhor comercialização da safra, que terão resultados positivos em seus balanços.

Fonte: Canal Rural


0 visualização